Em MT: Supermercado funcionava sem alvará diz Bombeiros; 40 pessoas foram intoxicadas

0
6741

O supermercado Atacadão do município de Rondonópolis (218 km de Cuiabá), que foi destruído após um incêndio na tarde de sexta-feira (12), funcionava com alvará vencido desde 2014, conforme informou o 3º Batalhão do Corpo de Bombeiros.

Mais de 15 horas após o indício do primeiro foco que tomou grandes proporções, duas equipes dos bombeiros continuam trabalhando nessa manhã de sábado (13) para cessar focos isolados no estabelecimento.

Em torno de 40 pessoas intoxicadas pela forte fumaça foram encaminhadas a unidades hospitalares. Até o momento, não há registro de óbitos. O supermercado estava lotado no momento em que as chamas começaram.

De acordo com informações do tenente coronel Janisley Teodoro Silva, o estabelecimento estava com o alvará vencido desde 2014. O projeto inicial tinha sido aprovado, porém a vistoria que garante o certificado estava há três anos sem ser solicitada.

A causa do incêndio pode estar relacionada a uma solda que estava sendo feita no depósito.

O incêndio, que se alastrou pela unidade, já foi controlado, entretanto, ainda há focos em pontos isolados. A prioridade da ação dos Bombeiros agora é controlar o fogo para que ele não atinja a área de combustíveis e o gerador do supermercado.

Ainda de acordo com o tenente, 50 homens atuaram na ação e todas as viaturas da unidade, bem como os caminhões dos bombeiros, foram ao local para conter o fogo.

O prejuízo do supermercado não foi contabilizado, mas o tenente assegura que o local, que tem uma área total de 19 mil metros quadrados, teve perda total ao ser consumido pelas chamas.

Outro lado

A assessoria da rede de supermercados Atacadão informou por meio de nota para esclarecer a tragédia.

“A respeito do incêndio na loja de Rondonópolis na tarde da sexta-feira (12), a empresa informa que o Corpo de Bombeiros foi acionado tão logo foi detectado. As equipes de gestão da companhia estão mobilizadas no apoio necessário à unidade. A rede lamenta profundamente o ocorrido, esclarece que segue estritamente todas as normas de segurança e vai colaborar com as autoridades competentes para a elucidação do caso.”

foto: reprodução

fonte: midianews

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here