Filho de Zeca disputará eleição pela 2º vez; PSDB rompe e lança Luizinho

0
1220

político do prefeito cassado Getúlio Viana (PSB) lançou o sobrinho e filho do deputado estadual Zeca Viana (PDT), Mateus Viana (PDT), para concorrer contra o prefeito interino de Primavera do Leste, Leonardo Bortolin (PMDB). A eleição suplementar ocorre em 19 de novembro. A vice será ocupada pela vereadora Carmem Betti (PSC).

Após a definição, que ocorreu pouco antes da meia noite de ontem (8), prazo limite para as convenções, Mateus prega que pretende dar continuidade as ações do tio, aparando os erros e melhorando alguns pontos. “Não quero deixar acontecer o que aconteceu nos últimos anos, gestões que desencaminharam nossa cidade”, ressalta.

Mateus pontua ainda que em razão de não pertencer ao meio político, uma vez que exerce atividade agrícola, explica não vangloria, exalta ações realizadas por eles, mas, sim, continuam trabalhando. “A minha atividade é feita de trabalho e não de conversa. Eu não vejo a carreira política como peso nessa campanha. Eu vejo mais é a seriedade e a honestidade, a cara limpa que cada candidato vai pôr nessa campanha”, sustenta.

O sobrinho de Getúlio já disputou pleito eleitoral na eleição de 2012, quando foi derrotado por Érico Piana (DEM), eleito com 55,69% dos votos representando 16.876 mil. O filho do Zeca ficou em segundo lugar ao atingir 42,27%, sendo 12.810 mil sufrágios. Uma diferença de 4.066 mil votos.

Mateus pontua que esta eleição está mais equiparada. Na passada, lembra que Érico tinha mais experiência e carregava um histórico político de Primavera. “Eu nasci o Érico já era prefeito. Agora acho que vai ser mais pau a pau, um negócio mais interessante. É bom a população observar bem porque não é de palavras, de garganta que administra uma prefeitura. É com a mão na massa, o respeito, honestidade acima de tudo”, sustenta.

Terceira Via

Com a escolha de Mateus, o PSDB rompeu com os irmãos Viana e lançou em chapa pura ex-deputado estadual e vereador por dois mandatos por Primavera, Luizinho Magalhães e tem como vice Zezinho, que ocupava compunha com o prefeito cassado Getúlio.

Isso porque os nomes do próprio Zezinho e do Otávio Palmeira vinham sendo ventilados para disputarem a prefeitura. Entretanto, segundo Luizinho, o Zeca Viana disse que não gostaria que o filho estivesse numa chapa composta pelo PSDB, do governador Pedro Taques, da qual faz oposição ferrenha na Assembleia.

“O PSDB ficou isolado, considero uma traição política. E para não passarmos vexame perante o público acabei aceitando ser candidato do partido. Somos uma terceira via. Primavera sempre foi administrada por dois grupos políticos”, explica Luizinho que também espera que o partido abrace sua candidatura e que o governador participe da campanha.

 

Fonte: RDNEWS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here